Em seu 1º remate do ano, criatório negocia reprodutores provados no Nelore Brasil e PMGZ a mais de R$ 15.000 de média pela tela do Canal Rural.

Conduzida por Cláudio Sabino de Carvalho Filho, a Chácara Naviraí abriu sua agenda anual de vendas com um remate virtual de touros na noite de 27 de março. O criatório é um dos mais tradicionais do país e mantém seu trabalho de seleção em Uberaba, MG, e Naviraí, MS.

Foram negociados 44 reprodutores Nelore nascidos de FIV e irmãos touros de central. O preço médio foi de R$ 15.523, movimentando o total de R$ 683.040. Foi a maior média da categoria no ano, de acordo com o Banco de Dados da DBO. Na troca por boi gordo, os animais foram vendidos a 116,7 @ para pagamento à vista (R$ 133/@).

A maior negociação foi fechada com Eduardo Bernardes Filho, que deu lance de R$ 36.000 para arrematar o touro 3388 de Naviraí. O animal é filho de Campeão da MN em vaca REM Quilano e chegou aos 29 meses com peso de 768 kg e com 41 centímetros de CE.

Todos os exemplares saíram com avaliação genética do Nelore Brasil, da Associação Nacional de Criadores e Pesquisadores (ANCP); e do Programa de Melhoramento Genético de Zebuínos (PMGZ), da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ).

O evento contou com organização da Programa Leilões e transmissão do Canal Rural. A captação de lances foi conduzida pelo leiloeiro Adriano Barbosa.

Fonte: Portal DBO

Fonte: DBO

Notícias