João Carlos Marchesan, presidente do Conselho da entidade, também comenta a necessidade de renovação do maquinário dos produtores

Com os preços das principais commodities em patamares melhores do que ano passado, o câmbio em uma faixa considerada favorável e expectativa de queda de juros do Plano Safra, o mercado de máquinas agrícolas deve ver um crescimento de 5% a 8% esse ano, diz João Carlos Marchesan, presidente do Conselho da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq). Em entrevista ao Portal DBO na Agrishow 2018, ele também comentou a defasagem da frota agrícola brasileira em termos de tecnologia, já que a idade média das máquinas gira em torno de 10 anos. 


Assista: http://www.portaldbo.com.br/Agro-DBO/Super-manchete/Abimaq-espera-que-vendas-de-maquinas-agricolas-c...

Fonte: dbo

Notícias