Segundo o ministro, região está pensando em diminuir a quantidade de frigoríficos habilitados para exportação

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Blairo Maggi, afirmou que ainda não há resultados concretos na inspeção de uma missão veterinária de Hong Kong que está no Brasil, mas que o governo trabalha para que eles mantenham o universo de frigoríficos credenciados. "Hong Kong está pensando em diminuir a quantidade de frigoríficos que fornecem para eles. Estamos neste momento negociando para permanecer com as mais de duas centenas (de unidades frigoríficas) que podem vender para aquele país", disse o ministro, após cerimônia de lançamento do Plano Agro+ Integridade, no Palácio do Planalto.

A missão de Hong Kong chegou na segunda-feira, 11, ao Brasil para inspecionar frigoríficos produtores de carnes bovina, suína e de aves e deve ficar até quinta-feira. Serão auditados quatro frigoríficos no Estado de São Paulo e os técnicos deverão visitar o Laboratório Nacional Agropecuário (Lanagro), de Campinas, São Paulo. O objetivo da missão é entender melhor a inspeção sanitária brasileira e propor ao ministério uma lista inicial de empresas aptas a exportar.

Segundo Blairo Maggi, a missão de Hong Kong deve voltar ao Brasil em agosto. O ministro disse ainda que essas missões são naturais e fez questão de dizer que a Operação Carne Fraca já está "totalmente superada".

Fonte: ESTADÃO CONTEÚDO

Fonte: dbo

Notícias